sábado, 9 de fevereiro de 2013

...

Chove lá fora e aqui tá tanto frio.
me dá vontade de saber
aonde está você,
me telefona?
me chama!
me chama!
me chama!
Nem sempre se vê
lágrima no escuro
lágrima no escuro
lágrima
Tá tudo cinza sem você,
tá tão vazio
e a noite fica sem porque
aonde está você?
me telefona?
me chama!
me chama!
me chama!
Nem sempre se vê
mágica no absurdo
mágica no absurdo
mágica!
Cadê você, cadê você, cadê você?

(Lobão)


Nenhum comentário:

Postar um comentário