quinta-feira, 22 de dezembro de 2011

Felicidade

  A felicidade está na vida de quem compartilha. De quem compartilha momentos, alegrias, sorrisos. Que a felicidade esteja na vida de todos diariamente, e que você não espere o natal pra começar compartilhar o [amor] que há dentro de você, libere-o e seja feliz.

  Tiro esses tipos de conclusões quando estou prestes a dormir.

sábado, 17 de dezembro de 2011

Vida

  Como definir a vida? É uma tarefa um tanto difícil, mas mesmo assim me dei essa tarefa nesse momento. Não com intenção de obter um exito completo, mas de pelo menos ter a sensação de tentar.
  A vida é aquilo que tentamos alcançar quando fazemos nossas escolhas (e não estou falando de Nirvana). Acredito que estar no mundo por ter simplesmente nascido não significa que realmente se esteja vivendo (pelo menos não em minha própria definição de vida), viver é mais do que existir, é pensar, sei que fica redundante, se você pensa você existe (vide Descartes), porém o existir antes de pensar é o fato de apenas ter nascido, mas quando se existe após pensar você irá agir, agir de alguma forma que fará você realmente viver, e alcançar o ponto vida, depois de aprender viver de verdade obviamente, pode ser difícil de entender, mas quem disse que difícil é impossível? 

  Tá, eu sei que não consegui, mas tentei, e posso tentar outra vez, um dia talvez.

sexta-feira, 9 de dezembro de 2011

Solidão

  Os dias se passam cada vez mais solitários para mim, e sinto como se mais nada fizesse sentido, porque na verdade não faz, tudo que eu sempre quis eu não quero mais, tudo o que repugnava agora nem me incomoda, e eu não sei se espero tudo passar ou se me desespero por saber que talvez nunca passe, tudo o que achava que era extremamente importante e não viveria sem perdi e continuo vivendo, mais triste, mas vivendo. 

(Isso na verdade era pra ser postado uns dois meses atrás, mas não foi pro motivos desconhecidos ou esquecidos)

Amor

  Tentei falar de amor, mas eu não consegui, muita confusão na cabeça pra isso (na cabeça mesmo, nem vem me falar de coração, ele serve pra bombear o sangue, a confusão fica na cabeça, e o amor na alma).

segunda-feira, 5 de dezembro de 2011

A Loucura

  A loucura foi conversar com a lucidez, só bater um bapo rotineiro mesmo, mas aí a lucidez é uma idiota e levou um tapa da loucura, bem na cara, bem feito... aquela retardada, etc e reticências.

quarta-feira, 30 de novembro de 2011

Sonhos

  Acho sempre muito interessante aqueles que conseguem sonhar em toda e qualquer tipo de circunstância, quisera eu sonhar desse modo, só consigo sonhar quando estou deleitada em alguma felicidade que seja relativamente grande. Sonhos confundem ao mesmo tempo que são claros e alvos, e quando não é assim é esquecido com o passar do vento matutino, inconscientes e inconsequentes, porém lindos e maravilhosos.
  Sonho eu um dia poder sonhar como sonhava, sem medo de chorar ou de cansar. Sonho eu poder um dia cantar essa música que nem pode ser ao menos tocada.

terça-feira, 4 de outubro de 2011

Hoje

  Hoje foi um dia legal, acordei as 6:00 da manhã, fui para a escola. No caminho em direção à escola vi cavalos em plena Grande São Paulo, fui atropelada por um carro que estava em baixa velocidade caí numa calçada e sujei toda minha camiseta branca do uniforme, enquanto me preocupava com o uniforme várias pessoas que andavam pela rua se preocupavam se eu havia me machucado, mas eu simplesmente levantei e continuei andando, depois eu vi uma mulher dirigindo e olhando para o lado e acabou atropelando um cachorro, ele ñ teve a mesma sorte que eu de simplesmente sujar o uniforme porque ele não estava uniformizado [é isso que dá ficar andando por aí sem uniforme], ele morreu, foi uma cena diferente mas eu nem liguei, continuei meu caminho em direção à escola, foi quando pessoas passaram perto de mim e ficaram comentando que eu estava cheirando muito mal comparando o cheiro à carniça, achei maldade mas continuei meu caminho para escola, depois disso eu cheguei na escola normalmente.
 Na hora da volta eu vi em frente ao um estabelecimento comercial um cartaz que dizia: "Prezisa-se de plafetador" exatamente assim, nem tirei nem coloquei letra diferente ou a mais, depois outro dia eu tiro uma foto para postar no orkut.
 Aí choveu bastante durante a tarde quebrando o telhado das casas de 67,3% de toda população da cidade, mas eu faço parte dos outro 32,7% hahaha.
 É isso aí, isso foi um resumo do meu dia.



quarta-feira, 29 de junho de 2011

Felicidade

  Tão bom se sentir feliz em ouvir uma música, em conversar com algum amigo, em rir por coisas bobas, em correr pro nada, em tocar violão, em cantar, em aprender algo novo, em abraçar alguém especial, em fazer uma loucurinha, em poder dormir até tarde, em comer doces e pizza, em conhecer algum lugar diferente...

quinta-feira, 19 de maio de 2011

Dia-a-dia do cotidiano

  Tanta coisa que a gente passa no dia-a-dia né, vou contar o q tenho passado ultimamente.
  Ontem na escola, na hora que eu havia voltado do intervalo para a sala, estava conversando com minha amiga normalmente, quando de repente, enquanto ela falava com uns garotos la´da sala, passou uma colega de classe e olhou para mim e soltou um bafo na minha cara só porque tinha chupado uma bala refrescante sei lá, eu fiquei tipo sem reação, a garota ñ havia me dado nem bom dia e chegou soltando bafo na minha cara! Sim, isso é verdade, infelizmente, e  logo após esse episódio outra garota da minha sala vira pra trás e diz:"Ain pq meu lápis da pequeno?" Tipo, eu pensei assim"pqp, pq tu apontou né bestinha", mas olhei pra ela e só disse:"Ñ sei", e ela:"ahahahahah pq meu lápis tá pequeno? ahahahahahah", eu fiquei com muita raiva, e mais, ela ainda falou:"Esse lápis aqui é mó bom, é da Eco Faber Castel." E virou para frente, e ñ disse mais nada, eu ñ entendi nada, essa menina é loka, foi só isso mesmo q ela disse, ñ sei porque ficou falando do lápis, ela não estava apontando o lápis, nem usando, foi do nada, e eu também não tava nem ai pro lápis pequeno e bom dela.
  É esse tipo de coisa que eu passo no dia-a-dia.
  Sem mais,
                                                                                                         fim.





PS; Eu sei que dia-a-dia tem o mesmo significado que cotidiano, só tentei ser um pouco irônica., eu acho

segunda-feira, 28 de março de 2011

Contra-baixo's e Guitarra's

  Isso já aconteceu comigo, de estar tocando contra-baixo e alguém (ou alguéns) pensar que eu estava tocando guitarra, e olha q faz pouco tempo que eu toco.
  Até hoje eu não descobri porque que isso acontece com os baixistas, porque que as pessoas não acham que as guitarras são contra-baixo?? Porque elas só sabem poucos nomes do instrumentos musicais?? (guitarra, violão, bateria, teclado piano). Os baixistas já são muitos, em toda banda (seja lá qual for o estilo) tem baixista, e as pessoas insistem em chamá-los de guitarristas
  Bom, o contra-baixo e a guitarra tem muitas diferenças (pra quem sabe o que é uma guitarra)
  Isso é uma guitarra:

Isso é um contrabaixo:


Putz, olha a diferença de um pro outro, muito diferente, outro naipe véi, por isso fico incoformada...